terça-feira, 22 de março de 2011

O nosso 19 de março

Foi um dia como tantos outros, em que a única coisa que houve de diferente foi a oferta de duas pequenas molduras, que o Xavier pintou com a minha ajuda, e que orgulhosamente entregou ao papá e ao avô exclamando, “fui eu que pintei!”


A verdade é que nunca fomos levados em consumismo, principalmente nestes dias marcados, e o que há de mais especial para oferecer, a quem se ama, é a CONSTANTE demonstração de afetos por quem se tem como pai e avôs… aproveitar o “hoje” já que o “amanhã” é uma incerteza.

[•••]

Quanto ao almoço de sexta-feira, que os meninos da sala do Xavier tiveram na creche na companhia dos seus pais, foi excelente!

Segundo o Papá J. [e pelo que pude comprovar pelas fotos], estava tudo per-fei-to… parabéns à instituição pela grande iniciativa que deixou todas as crianças, e pais, numa alegria imensa.

[FOTOS RETIRADAS]

Em maio, aquando da comemoração do Dia da Mãe, será a minha vez (o;

●•TéTé•●

7 comentários:

Ni! disse...

Que gira iniciativa :)

E.M disse...

Fantástico amiga :-)... mesmo!
Boa

Mãe da Tiz disse...

Que bom!!! A Tiz também gostou tanto de ter o pai na escola ;) Não vejo a hora de ser o nosso dia!!!

beijos***

disse...

Parabéns as molduras foi uma excelente ideia!!... Beijinho :)

SONHADOR disse...

:)

beijos.

SarDi disse...

E essas iniciativas são o suficiente para ficarmos mais que babados ao ver a felicidade dos pequenotes.
A moldura ficou um espectáculo!
Parabéns!

Beijocas

Mamã da Caroxinha disse...

E há lá forma melhor de passar estes dias do que com afectos, mimos e ainda mais amor? Pessoalmente detesto o consumismo destes dias, por isso nunca compro nada...
A creche é mesmo de louvar pela forma como celebra sempre estes dias e imagino que pai e filho tenham adorado (confessa lá que gostavas de ser mosca para lá estar?).
bjokas