quarta-feira, 1 de julho de 2009

Desabafo

Preciso “cultivar”, A.S.A.P., a minha paciência...

Alguém me empresta um ancinho, por favor?!?

Com tanta birra e choro, um destes dias terei a protecção de menores a bater-me à porta!

Mas vistas as coisas pelo lado positivo, este meu filho até nem é muito difícil, afinal só existem dois factores que o levam a embirrar, que são, nada mais nada menos, por TUDO e por nada!

Vou ali dar um grito e já volto!

P.S. – Peço-vos, encarecidamente, que da próxima vez que me ouvirem dizer que pretendo ter outro filho, me dêem uma valente palmada!!!

25 comentários:

PatLeal disse...

Lol, fica registado :)

Bjs

Amanda disse...

Hahahaha Teté, vc sempre a fazer-me rir muito com seus posts! As do "sapateado" ainda não me saem da memória, e agora este! Hehehehe.
É assim mesmo né amiga, é uma idade crítica, mas com paciencia e firmeza conseguiremos domar as ferinhas...
As vezes achava que minha filha era a mais exigente do mundo, mas ao compartilhar com outras mamães, como você, vejo que raros são os casos de bebes muito tranquilos, por isso, sinceramente, ainda prefiro os "nervosinhos" do que aqueles muito calmos demais que podem no futuro desenvolver uma personalidade introspectiva demais, o que me preocuparia muito.
Estou lendo o livro da Super Nanny (Jo Frost) e estou gostando bastante. Estou já aplicando algumas regrinhas e aprendendo um bom jeito de lidar com as birras. Tenho sentido diferença positiva. Recomendo!!! Aí vai um link de um site no brasil que vende o livro: http://www.americanas.com.br/home/begin.do?home=AcomProd&departmentId=1472&itemId=373951&primaryGroupId=1497
Beijos
Deus te abençoe
Amanda

Tânia disse...

Como eu te entendo amiga!!!
A minha as vezes faz com cada birra que parece que o predio vai cair,(ainda ontem)fiquei t~~ao chateada porque foi uma birra parva.
Mas vou registar o teu pedido ;0)

beijo grande

A familia F Albuquerque

teresa disse...

acho que me queixo do mesmo que tu,por acaso ja tinha falado o mesmo,e etao eu que tenho uma voz grossa.
haja muita paciencia

Dina disse...

É tudo uma questão de fases, muita paciência mamã!
Em relação ao teu PS, não contes comigo, não concordo ctg :D

Bj********

Um pedaço de azul... um BloGui diferente disse...

Pois, tal como a Dina, não contes comigo... palmada: só nas costas e de FORÇA AÍ! ;-)
O Xavier está a testar os seus limites. Precisa de te testar e de saber em que chão pisa. Tenta ser coerente, é disso que eles precisam. Não tarda essa fase vai melhorando. Acredita. Eu acredito...
Força. Beijocas

carmo pinto disse...

pois é ,deixam nos mesmo descontroladas...as vezes temos mesmo votade de "desaparecer" para carregar baterias....mas deixa lá tb já foste assim ne?
ele tem uma personalidade mais vincada.... e é ovbio que é uma fase que passa....e terás outro sim senhora...num sei é quando lol
jinhos amiga e respira fundo 3 vezes!

Maria José disse...

Como eu te compreendo, por vezes é mesmo dificil, é preciso ter mesmo paletes de paciência
quanto ao teu ps aí aí, então não era para daqui a uns anos
bjokas

Ines disse...

a minha inês tb anda assim, faz birra por tudo e por nada. E eu quero fazer as coisas lá em casa nem consigo fazer nada, ela nem o pai quer ir, chora, chora.
A minha Inês era uma bebé muito sossegada nunca chorava nem quando tinha fome, agora até parece que aprendeu abrir a goela e não se cala.
ESTA FASE QUE PASSE RÁPIDO... EHEHEH
BJS

SONHADOR disse...

Birras?
Ainda vai no princípio.

A partir dos 2 anos é, infelizmente, a pior fase.

Beijos.

Diogo Miguel disse...

Olá Tété! É uma fase com certeza, que vai passar! Digo eu!!!! O Diogo também faz umas birrinhas de vez em quando...mas eu tento não dar importância! E o que resulta mesmo, é chamar a atenção dele para outra coisa qualquer, mostrando grande entusiasmo...ele esquece logo a birra! Bjoooo. Paula e Diogo.

Sílvia disse...

Acredita que são fases... a Francisca andou assim há bem pouco tempo e passou-lhe. Agora estou á espera de saber quando voltam outra vez...

Quanto ao segundo filho... acho que só vem ajudar ehehehe
Passam a ser dois e a ter de se aturarem um ao outro ehehehe

Adriana disse...

Pois, por aqui o caso é igual.
Os moços andam-nos a testar à força e põe-nos os cabelos em pé.
Quanto à palmada não concordo, porque depois nós acabamos por nos esquecer de tudo....e desculpa lá, mas isto de ser mãe e não haver birras é muito monotono :))))
Acho que quem vai levar a palmada sou eu...lol
Bj grande ;)

Edith disse...

O meu Pedro também tem dias em que dá comigo em doida, ontem estava histérico, não era birra, era "parvoíce " mesmo, andava a correr pela casa aos gritos e já eram 22.00 horas... Enfim e às vezes eu digo que gostava de ter outro filho...
Bjoca

Maria Vicente disse...

Ai miga...e claro que não te vou dar uma palmada. Eles dão muito trabalho muito muito muito.
Miga só te posso dizer que é cada vez pior, por volta dos 24 meses nem te passa pela cabeça, depois aos 4 anos é horrivel e agora quase aos 5 deixa-me ir ali bater com a cabeça.
Eles são uns amores, terriveis mas uns amores.
Eu cá para mim devia era ter pedido um cão, em vez de filhos...mentira....
Bjs
Beijinhos

Mamã da Caroxinha disse...

Paciência...resmas delas é o que precisas!
O pior de tudo é que às birras do filho junta-se o mau feitio da mãe :-D quem sofre é o pai,LOL!!!
Isso sao fases já sabes, tem calma.
Acho que deves pensar seriamente no 2º filho porque cá para mim ele precisa dum mano/mana :-D
Beijinhos

Pedro e Pedro (filho) disse...

Chorar por tudo e por nada isso é normal. O meu Pedrinho há dias que é demais, mas eles são assim.
Tens que ter calma e um pouco de paciência.
Grita á vontade, eu tambem o faço e sabe bem faze-lo.
Bjinhos.Pedro

Mamã Pirata disse...

HAHAHAH Teté estás em "ponto de rebuçado"


Mulher tem calma,aliás daqui a dias o Xavier acalma...vai por mim que ando alguns meses á frente.

bjs gds:))

(n tem piada nenhuma eu sei ,mas achei graça ao teu post)

Mamã Pirata disse...

Nem de proposito vê este post:))

http://babygrows.blogspot.com/

aahahahahah!Excelente são todos iguais.

mãe pimpolha disse...

O meu é por nada e por tudo. LOL
Vá, muita paciência.
Beijocas

Maria Pereira disse...

O que vale é que é uma fase, às vezes bem comprida, por cá ainda dura de vez em quando

Bjs grandes e paciência, muita paciência

disse...

pois sim... ;)) como a percebo, ando em busca do mesmo nestes últimos dois dias então ...!!
Mas com calma tudo se resolve é claro sempre depois de soltarmos os nossos gritinhos estericos!
Desejo sorte e mt paciencia BJS*

Anónimo disse...

Isso passa, Teresa.
Por vezes a nossa falta de calma é que amplia ainda mais uma birra de bebé.
Escolha o livro mais apropriado para essa fase da estante do pedopsiquiatra Eduardo Sá.

Melhores dias virão.
Paciência calma e um sorrizinho, vá.

José (pai do Simão)

by LoveXL disse...

Não digas isso... No final de tudo, só nos lembramos das coisas boas e recordamos o carinho deles que não se iguala a nada!

Como sabes, faz parte do crescimento. Nao tarda nada, está um rapazote todo bem comportado!

Envio-te daqui... uma dose de paciencia virtual! Que lhe dês um bom uso! ;)

Anabela disse...

Dou-te até Fevereiro para começares a ver a necessidade de ter outro filho, ou muito me engano ou daqui por um ano quem está aqui barriguda és tu!
E já se sabe essa fase é mesmo assim... seja com este ou todos os filhos que tenhas.

Bjs