segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

A "mãe" de todas as birras

Devido à instabilidade do estado de saúde do Papá J., decidimos que, doravante, serei eu acompanhar o Xavier nas as aulas de natação.

E hoje, para "festejar" esta mudança, tivemos uma ataque de HISTERISMO que passou todos os limites!!!

Foi berreiro, tosse [que nem sei como não culminou em vómitos] à mistura da frase "eu quero o meu papá", que durou mais de vinte minutos.

Eu não cedi... fiz das tripas coração, é verdade, mas não cedi senão como será na próxima aula... e na outra..?!?

Depois, com ajuda do professor A., lá se foi acalmando e conseguimos permanecer na piscina até ao fim da aula.

Chegados ao carro, e depois de o colocar na sua cadeira, sentei-me ao volante e desabei... foi inevitável controlar o meu choro devido ao estado de nervos em que me encontrava.

Por entre os meu soluçar, ouço o Xavier dizer: "Mamã não chores. O Jesus, o papá e o Xavier amam-te muito!"

Ainda que depois ele tenha ficado como se nada fosse, espero que a cena de hoje reverta de forma a que não volte a acontecer... fica a esperança!

●•TéTé•●

14 comentários:

PatLeal disse...

As vezes da mesmo vontade de chorar!!! As melhoras do papa da casa!

Bjocas p vocês

mãe pimpolha disse...

Pois é, as birras dão cabo de nós e até eu já acabei a chorar muitas vezes.
Beijocas

Anónimo disse...

Ai Teté com uma frase dessa do Xavi, até eu chorei, só que de emoção... Que lindo ele ter Jesus no coração desta forma! Isto fará dele um homem especial!
Mas voltando às birras amiga... ah... aqui em casa nada é diferente... gritos, "sapateios", gritos, etc tem feito parte em muitas situações, mas de uns tempos pra cá deu uma leve melhorada. Acho que daqui a uns meses o Xavi vai estar melhor tbem... que fase né...
hoje estou bem tensa pois ela vai voltar de férias escolares. Dentro de 3 horas estaremos a caminho. Que o Senhor nos ajude!
beijão querida!
Amanda e Isabela

kel disse...

Amiga, nós mais entendemos perfeitamente. Às vezes é inevital chorar porque só assim, ou isso ou umapalmada no rabo. Eles ás vezes levam-nos á loucura e ás lágrimas.
Vais ver que é uma questão dele ganhar o hábito. Força! e as melhoras do papá.
beijocas

Sandra Silva disse...

Podes ter a certeza que vai mudar..o Tomás começou a ir piscina comigo, quase sempre, quando o Fernando podia, ia ele para eu poder aproveitar a nadar, era um berreiro, sempre a pedir a mãe e não fazia nada..passadas 2 ou 3 vezes, lá se conformou e passou a fazer aulas espectaculares! Já aceita que eu vá para a piscina grande, e fica todo contente com o pai!Vais ver que é uma fase, tem calma que tudo vai correr bem. As melhoras para o papá.
Bjs
Sandra e Tomás

E.M disse...

Amiga, não fiques assim, ele apenas reagiu a uma alteração de rotina, nada mais. Com certeza da próxima vez a reacção não será igual, tem calma... :-).
Além disso ele e o papá J fizeram essa actividade muitas vezes juntas (imagino) com rituais, pequeninos, que talvez não tenha feito contigo... é normalíssimo. Mas entendo esse coração. Um beijo enormeeeeeeeeeeeeee

persiana disse...

É normal~! As birras são mt comum nesta idade! Ele vai adaptar-se!
E mostra que é um menino sensível!!!
bjs
Raquel
http://persiana.blogs.sapo.pt/

Maria José disse...

Amiga como eu te compreendo e se já chorei baba e ranho por causa dessas birras e já foram muitas, mas sabes que acho que nós faz bem desabafar assim
beijokas e força

Sandra Avelar disse...

Tété desde já os meus parabéns pela sua atitude!! Por vezes as birras levam-nos á exaustão eu sei bem como é...
Obrigado por seguir o meu blog ainda a dar os primeiros passos.
Sandra

Mamã da Caroxinha disse...

É tudo normal por causa da fase em que ela anda e da enorme ligação que tem com o pai! Sempre foram os dois nas aulas e agora, apesar de saber que o papá não pode fica difícil adaptar-se...Mas verás que na próxima semana já vai correr tudo bem!
Paciência amiga, afinal a tua função é a mais complicada!!!

Beijocas

Ju e Lipe disse...

Vamos nos unir mães em sobrecargas.... chorar faz bem... eu já sequei as lágriams amiga, preciso colocar pra fora também!! bjos...

Mafalda S. disse...

Imagino o stress que deves ter passado. Às vezes conseguem pôr-nos assim. Mas obviamente que essa foi só uma reacção à alteração da rotina dele.

Aproveito para desejar as melhoras ao teu marido, espero que a vossa vida melhore rápido, rápido. Já agora, espero que com a tua irmã as coisas estejam mais calmas.

Obrigada por teres perguntado aquilo à médica. Pelos vistos ainda terei de esperar que estabilize. Já tenho 30 anos, pelo que espero que não demore muito.

Obrigada pelas palavras carinhosas... daqui a pouco é o teu filhote que faz anos...

Beijinhos

Anabela disse...

As birras deixam-nos doidas, muita paciência e esperança de que as coisas vão correr bem da próxima vez.
O Diogo também tem passado uma fase menos boa em que se porta mal nas aulas e não deixa a professora dar aula... não aprende ele nem os outros meninos.
Se ele estava muito habituado ao pai é normal que a primeira vez estranhe.
Tem calma.

Beijocas

Bosque das Fadas disse...

Obrigada Teté por te lembrares de nós, estamos bem a nossa ausência deve-se a problemas com a net que tivemos que resolver primeiro...

Como voa o tempo quando somos mães, nem acredito que passaram 3 anos já, o teu menino é lindo, como é bom ouvir palavras tão bonitas da boca de uma criança principalmente quando ele é nosso filho.